Ocaso.jpg

Para cadastrar projetos, cópias finais e reservar equipamentos, clique em Sistema no menu.

O 1° ENCONTRO NACIONAL MODOS DE VER: HISTÓRIAS DE CINEMAS, MODOS DE EXIBIÇÃO E PRÁTICAS DAS AUDIÊNCIAS, a ser realizado nos dias 11 e 12 de maio de 2017, no Auditório da ESPM-Rio (Rua do Rosário, 90 - Centro, Rio de Janeiro/RJ), é um evento organizado pelo Grupo de Pesquisa Modos de Ver (ESPM/CNPq) em parceria com o Departamento de Cinema e Vídeo e o Programa de Pós-graduação em Cinema e Audiovisual da Universidade Federal Fluminense (PPGCine - UFF), com apoio da Capes e do Mestrado Profissional em Gestão da Economia Criativa da ESPM-Rio.

Veja a programação do evento. 

 

PROGRAMAÇÃO DO 1° ENCONTRO NACIONAL MODOS DE VER

 

A programação abaixo poderá sofrer alterações sem qualquer aviso prévio. Mais detalhes no site do evento.

 

Quinta-feira, 11 de maio de 2017

 9h15-9h50: credenciamento

 9h50-10h: Abertura do evento

Prof. Dr. Talitha Ferraz (ESPM)

 

10h-12h: Conferência de abertura:
“O que há de novo sobre a nova história do cinema? Explorando o(s) passado(s) e futuros de um extremamente ambicioso programa de pesquisa” - Prof. Dr. Daniel Biltereyst (Ghent University, Bélgica).

 

12h-13h30: Almoço

 

13h30-15h: SESSÃO I

Experiências e apropriações do cinematógrafo

 Pedro Vinicius Asterito Lapera (Biblioteca Nacional)

Dos vestígios às imagens: consumo cinematográfico na Belle Époque carioca

 Carolina Azevedo Di Giacomo (USP)

Os simuladores cinematográficos Auto-Tours e Cinema-Automóvel (1907/1908): busca por legitimação da elite carioca

 Natasha Hernandez Almeida Zapata (UFF)

Cinema e cidade: Primeiros tempos das exibições de imagens em movimento em Piracicaba

 

15-15h30: intervalo

 

15h30-17h: SESSÃO II

Fontes, textos e imagens

 Andreia Resende (UFRJ) e Tetê Mattos (UFF)

O cartaz cinematográfico nos primeiros cinemas. Apontamentos

 Rafael de Luna Freire (UFF)

Salas de cinemas em cartões-postais

 Pedro Butcher (UFF)

Cine-Mundial e a crônica do Brasil – 1917/1918

 

17-17h30: intervalo

 

17h30-19h: SESSÃO III

Cinemas de rua no Rio de Janeiro de hoje

 Vera Zunino (ESPM)

Imperator: de cinema a centro cultural, mais uma história de ressignificação com a remodelação do espaço arquitetônico e criação de uma marca

 Márcia Bessa (UFRJ)

Multisalas, variedades e inovações: a resistência do Cinema de rua no Rio de Janeiro

 Luiz Claudio Motta Lima (UERJ) e Rodrigo Bertamé (UFRJ)
Cine Vaz Lobo: o esplendor possível

 

Sexta-feira, 12 de maio de 2017

 

9h-10h30: SESSÃO IV

Recepção e (re)criação

Pedro Curi (ESPM)

O lugar da Força: a importância das salas de cinema para o fandom de Star Wars

 Adil Lepri (UFF)

Redes e janelas: o formato e a estética dos audiovisuais no Facebook

 Nilda Jacks (UFRGS), Valquíria John (UFPR/ UNIVALI) e Daniela Schmitz (UFRGS)

Recepção da trilogia The Hobbit no Brasil

 

10h30-11h: intervalo

 

11h-12h30: SESSÃO V

Circulação e distribuição

 Paulo Passos de Oliveira (UFG)

O cinema popular de Josafá Duarte em Forquilha (CE) e suas práticas alternativas de exibição

 Simplício Neto Ramos de Sousa (ESPM)

A lei do curta

 Lara Satler (UFRJ) e Emilly César Almeida (UFG)

Exibição, rede 2.0 e democratização racial: uma visada na streaming Afroflix

 

12h30-14h: almoço

 

14h-15h30: SESSÃO VI

Exibição, público e práticas

 Emília Teles da Silva (UFF)

A exibição de filmes na Índia nos anos 1940.

 Marcelo Garson (UFRJ)

“Ao Balanço das Horas”: Rock and roll e juventude no Brasil dos anos 50

 William de Souza Vieira (UniRio)

Memória e História do Cine Palácio Campo Grande

 

15h30-16h: intervalo

 

16h-17h30

SESSÃO VII

Formas de fruição

 Raquel Valadares de Campos (UFJF)

“Visionamento em grupo” na situação social cinema na Índia

 Tatiane Mendes (UERJ)

Cinema na praça: territórios sensíveis e narrativas do cinema expandido na cidade do Rio de Janeiro

 Gianna Gobbo Larocca (UERJ)

Rupturas e convenções na fruição espectatorial do i-doc

 

17h30-17h50: intervalo

 

17h50-19h: Conferência de encerramento:

“Nós e a velha/nova cultura das telas: Bazin e o mito do cinema total” - Prof. Dr. João Luiz Vieira (UFF)

 Mediação e anúncios finais gerais: Prof. Dr. Rafael de Luna (UFF) e Prof. Dr. Talitha Ferraz

 

 

Links Úteis