Gil_.jpg

Informações

Imagem do Contato

Perfil

Apresentação

Cezar Migliorin trabalha com palavras e imagens. É professor de Cinema, vice-chefe do Departamento de Cinema e Vìdeo e membro do Programa de Pós-Graduação em Comunicação na Universidade Federal Fluminense. Coordenador do projeto nacional de cinema, educação e direitos humanos: Inventar com a Diferença. Doutor pela UFRJ e Sorbonne Nouvelle, na França, com pós-doutorado pela University of Roehampton, na Inglaterra. Desenvolve pesquisas sobre questões estéticas e políticas ligadas ao cinema brasileiro e sobre as relações do cinema com a educação. Organizador do livro Ensaios no Real: o documentário brasileiro hoje (2010), autor do livro de ficção A menina (2014) - ambos editados pela Editora Azougue - e do livro Cartas sem resposta (2015), pela Editora Autêntica.

Lattes

Projeto de Pesquisa

Cinema na educação: desafios político-metodológicos do cinema na escola Esta pesquisa visa discutir os efeitos e possibilidades do cinema na educação de nível fundamental e médio através da análise de projetos que levam o cinema para escolas no Brasil, com destaque para o projeto Inventar com a Diferença, coordenado pela Universidade Federal Fluminense em parceria com a Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República. Trata-se de uma pesquisa que trabalha com materiais primários e visitas às escolas, buscando entender na prática as formas do cinema participar da formação e dos processos subjetivos dos estudantes. Em paralelo à pesquisa de campo e da análise de casos, faremos uma larga revisão bibliográfica nos perguntando sobre a participação do cinema em processos educacionais em que a emancipação e a igualdade sejam prioritários..

Projeto de Extensão

Cinema e Educação

O projeto está vinculado ao Kumã – Laboratório de pesquisa e experimentação teórica e prática da imagem. Ligado à graduação e à pós graduação, o laboratório é formado por pesquisadores e pós-graduandos do PPGCOM UFF, por professores do departamento de cinema e por alunos de graduação. Neste projeto, trata-se do acompanhamento e formação de jovens universitário para atuação na Escola Livre de Cinema de Nova Iguaçu. A escola existe há 5 anos e nesse momento buscou na UFF uma parceria sólida para consolidar a formação dos jovens que trabalham com o ensino e a experimentação estética com crianças do ensino fundamental e médio. A ação conta hoje com três bolsista da UFF e está entrando em seu terceiro semestre.

Palavras chave: Cinema, educação, subjetividade

Algumas Publicações

Livros

  • MIGLIORIN, C; Inevitavelmente cinema: educação, política e mafuá. 1. ed. Rio de Janeiro: Editora Azougue, 2015. v. 1. 224p .
  • MIGLIORIN, C; Cartas sem resposta: a internet, a educação, o cinema e o Luciano Huck. 1. ed. Belo Horizonte: Autêntica, 2015. v. 1. 88p .
  • MIGLIORIN, C; PIPANO, Isaac ; GARCIA, L. ; GUERREIRO, A. ; NANCHERRY, C. ; BENEVIDES, F. . Inventar com a Diferença: cinema e direitos humanos. 1. ed. Niterói: Editora da UFF, 2014. v. 1. 112p

Artigos

Blog Pessoal

Polis + Arte

Formulário de Contato

Enviar um email
(opcional)